Porto Alegre

29ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 18 de Outubro de 2017

  • 05/08/2017
  • 10:01
  • Atualização: 10:17

Festival de Gramado dá destaque ao cinema latino-americano

A atriz Soledad Villamil receberá o kikito de Cristal nesta 45ª edição

A atriz Soledad Villamil receberá o kikito de Cristal nesta 45ª edição | Foto: Frederico Oliveira / Festival de Gramado / Divulgação / CP

A atriz Soledad Villamil receberá o kikito de Cristal nesta 45ª edição | Foto: Frederico Oliveira / Festival de Gramado / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

O Kikito de Cristal destaca grandes expoentes do cinema latino-americano, em um diálogo com os países vizinhos que já é marca do Festival de Cinema de Gramado. Neste ano, o troféu Kikito de Cristal será entregue à atriz argentina Soledad Villamil. A programação prevê que ela receberá o troféu no Palácio dos Festivais na quinta-feira do dia 24 de agosto.

• Festival gaúcho traz homenagens a grandes nomes do cinema

Ela ficou mundialmente conhecida por sua atuação no filme argentino “O Segredo dos Seus Olhos” (2009), em que ela atuou ao lado de Ricardo Darín, sob a direção de Juan José Campanella. Este célebre longa-metragem argentino venceu o Oscar de Filme Estrangeiro daquele ano. Por esta sua atuação, ela ganhou o prêmio Goya (o “Oscar” espanhol”) de Melhor Atriz Revelação em 2010.

• Festival de Gramado comemora seus 45 anos de vida

Mas a relação da artista com o cinema começou ainda no início da década de 1990. Antes mesmo de “O Segredo dos Seus Olhos”, Soledad já havia trabalhado com o diretor Juan José Campanella em outro reconhecido filme argentino: “O Mesmo Amor, a Mesma Chuva”, de 1999, exibido no 28º Festival de Cinema de Gramado. Como atriz, a homenageada também acumula trabalhos no teatro e na televisão argentina. Ela também é famosa por sua carreira como cantora, em que interpreta canções do folclore de seu país e do próprio tango. Um de seus trabalhos mais recentes é ao lado de Edson Celulari e Leonardo Machado no longa “Meu Mundo Não Cabe Nos Teus Olhos”, de Paulo Nascimento.

• Festival de Gramado em muitas de suas dimensões

O troféu Kikito de Cristal já homenageou outros grandes do cinema latino e brasileiro, desde que foi criado em 2007. No ano passado, a distinção foi dada para a atriz Cecilia Roth. Em 2015, foi para Fernando Pino Solanas.

Este troféu tem uma particularidade importante. O homenageado do ano participa da confecção do troféu que será entregue no ano seguinte, em uma parceria com a empresa Cristais de Gramado, que produz a peça exclusiva, repetindo um ato que já está se tornando um ritual deste prêmio. Por isso, uma das atividades da artista em solo gramadense será a visita à fábrica dos Cristais de Gramado para dar o seu toque na produção da peça para o homenageado a receber a mesma distinção que ela no ano que vem.