Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

  • 06/07/2017
  • 12:41
  • Atualização: 12:46

"Soundtrack" traz imagens e sons que vêm do Ártico

Filme é protagonizado por Selton Mello e falado em inglês e português

Selton Mello vive o fotógrafo Cris no longa | Foto: Imagem Filmes / Divulgação / CP

Selton Mello vive o fotógrafo Cris no longa | Foto: Imagem Filmes / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Estreia nos cinemas nesta quinta-feira o drama “Soundtrack”, filme falado tanto em inglês como em português. A direção é assinada por uma dupla formada por Manitou Felipe e Bernardo Dutra, que usa o nome artístico de 300ml. Na narrativa, o fotógrafo Cris (Selton Mello) viaja para uma estação de pesquisa polar, no Ártico, onde pretende realizar autorretratos e captar sons para uma exposição artística que tem a música como base.

A busca pelo isolamento do protagonista esbarra no contato com cientistas com quem ele vai cruzar em sua jornada. No local inóspito, conhece o botânico brasileiro Cao (Seu Jorge), o especialista britânico em aquecimento global Mark (Ralph Ineson, participante da série “Game os Thrones”), o biólogo chinês Huang (Thomas Chaanhing), e o pesquisador dinamarquês Rafnar (Lukas Loughran).

O sentimento de estar um tanto perdido (no sentido filosófico) do artista vai se chocar contra os objetivos bastante racionais dos pesquisadores que estão na mesma sede. Cris se surpreenderá com visões de mundo completamente diferentes das que estava habituado e, em contato com pessoas de outras culturas, vai descobrir novos pontos de vista a respeito da vida e da arte.

As fotografias que aparecem em cena foram feitas, na vida real, pelo artista plástico, empresário e diretor de criação da Osklen, o badalado Oskar Metsavah. O conjunto das fotografias resultou em uma exposição em cartaz, até 16 de julho, no Museu da Imagem e do Som, em São Paulo. A mostra aborda um conceito labiríntico.

Assista ao trailer:


TAGS » Cinema, Filme, Variedades